Parabéns, Ti Moita

Autoria | Autor desconhecido

Criado em | Novembro 1998

Estilo poético | Canção

Sempre alegre e bem disposto
Gosta muito de brincar
Ainda com esta idade
Nunca deixou de fumar

Quando era ainda jovem
Da pinguita era amigo
O pior era quando em sua casa
Deixava tudo partido

Quando um dia enviuvou
P'los sobrinhos foi mimado
Ele era um tio querido
E por todos foi amado

No nosso Centro de Dia
Ele é muito estimado
E por isso neste dia
Por todos acarinhado

E agora a terminar
Com muito amor e carinho
P'ra o nosso querido ti Moita
Muitas palmas e beijinhos

______

Comentários a este poema

Adicionar um Novo Comentário

Páginas relacionadas

Páginas com etiquetas similares:

Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License