Hino da Praia Fluvial de Loriga

ÍNDICE Cruzeiro de Loriga « anterior |

seguinte » Versos a Loriga

Autoria | Amadeu Diniz da Fonseca

Criado em | .

Estilo poético | Canção

Minha Loriga
Minha terra, meu amor
Minha estrela tão amiga
Neve cheia de calor

Da minha gente
Da minha casa do meu ninho
Onde o coração se sente
Livre como um passarinho

Levo a saudade
Quando de ti me despeço
E a vontade de ser
Breve no meu regresso

Ó Loriga, ó Loriga
Minha Serra minha mãe
Tua praia é a mais bonita
Que a nossa Estrela tem

Minha Loriga
Meu silêncio penetrante
Minha pedra tão antiga
Meu olhar tão deslumbrante

Canta comigo
Teus caminhos, tuas fontes
Num abraço bem sentido
Ao passar nas tuas pontes

Levo saudade
Quando de ti me despeço
E a vontade de ser
breve no meu regresso

Ó Loriga, ó Loriga
Minha Serra minha mãe
Tua praia é a mais bonita
Que a nossa Estrela tem

Minha Loriga
Linda serra sem igual
Tens a praia mais bonita
Deste nosso Portugal

No cimo da serra
No seu parque natural
A ribeira beija a areia
Da praia fluvial

Levo a saudade
Quando de ti me despeço
E a vontade de ser
Breve no meu regresso

Ó Loriga, ó Loriga
Minha Serra minha mãe
Tua praia é a mais bonita
Que a nossa Estrela tem

______

Comentários a este poema

Adicionar um Novo Comentário
Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License