À Festa da Nossa Senhora da Guia

ÍNDICE Minha Loriga « anterior |

Autoria | Maria Eugénia Gonçalves de Moura

Criado em | Agosto 2016

Estilo poético | Quadras

O primeiro domingo d'Agosto
Chegou com um sol escaldante.
Um dia muito especial
O da Padroeira do emigrante.

As ruas estão engalanadas
Para a Senhora da Guia passar.
Com todos os Santinhos
Que a puderam acompanhar.

A banda aprimorou
A descida triunfal.
Tocando o belo hino
Um momento emocional.

Todo o povo cantou
Ó Padroeira amorosa.
Até chegar à capela
A mãe doce e formosa.

De Loriga para o mundo
Através da T.V.I.
Nossa Senhora da Guia
Foi vista também por si.

Por muitos foi partilhado
Um dia para registar.
Nos olhos d' alguns ausentes
Lágrimas de saudade a brotar.

Os presentes e ausentes
Juntos desde o alvorecer.
P'rá Virgem Senhora da Guia
Irem todos agradecer.

A saúde recebida
Os filhos em união.
As graças alcançadas
Com a sua protecção.

O terço foi rezado
Com fé e devoção.
Um boa noite Maria
Cantado com emoção.

Para acabar em beleza
A nossa banda tocou.
Vozes lindas se ouviram
Com o hino finalizou.

Estalam foguetes no ar
O céu enche de luz e cor.
Lágrimas e estrelas que brilham
Numa despedida de amor.

Génita
2016/08/07

______

Comentários a este poema

Adicionar um Novo Comentário
Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License