Minha Loriga

Autoria | José Lages Caçapo

Criado em | .

Estilo poético | Versos rimados

Vim da grande serra
Chorei, matei desejos
Amigos, sons da terra…
No calor de teus beijos.

De noite já não há breu
De manhã nem neblina
A luz e o sol era só meu
Numa aragem pequenina.

Era um sopro tão ameno
Perdido voando do céu
Vinha devagar, saudoso.

Era livro aberto num véu
Lia-se um poema sereno:
Eu sou castanheiro viçoso…

______

Comentários a este poema

Adicionar um Novo Comentário
Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License