A sineta

ÍNDICE O rego da minha rua « anterior |

seguinte » Fonte do Mouro

Autoria | José Manuel Moura Alves

Criado em | .

Estilo poético | Versos livres

Na ponta da baraça a maçaneta
Batendo forte na sineta
Arrancando a cada toque
A cançoneta
Que acorda a estrela tranquila

Até se enfeitam as borboletas
Fazendo breves piruetas
Saindo em zig-zag
Das valetas
Colorindo as ruas da vila

E repica, repica a sineta
Na ansiedade inquieta
Dos fiéis em devoção
Há sorrisos e alegria
É dia de procissão
Da nossa Senhora da Guia

______

Comentários a este poema

Adicionar um Novo Comentário
Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License