Caixão da Moura

É conhecida por Caixão da Moura uma rocha escavada que se encontra em local praticamente escondido pela vegetação a cerca de 2 km do centro da vila de Loriga. Embora não se possa precisar a data, é muito provável ter sido ali deixado há mais de dois mil anos, mesmo até antes da chegada da civilização romana a esta região.

caixaodamoura.jpg

Foto de Carlos Pereira, obtida a 14 de Dezembro de 2013

É opinião geral que se trata de uma sepultura antropomórfica mas pouco ou nada se sabe da sua origem. O que parece mais provável é que este monumento tenha sido um túmulo coberto por uma laje que entretanto desapareceu. A zona poderá ter sido um local de culto, a avaliar pelo facto de se encontrar no sopé do monte em cujo cume existiu um Castro.

Outras teorias apontam para que o Caixão se trate de uma "lagareta", um pequeno lagar para pisar uvas. Esta sugestão poderá combinar-se com a da sepultura que, em séculos posteriores, tenha sido usado para este último fim.

Apesar de tudo o que se possa dizer, este monumento é de valor histórico e, por isso, deve ser protegido. A sua verdadeira história ficará para sempre oculta na passagem do tempo. Ficam as lendas que descrevem a princesa moura que ali terá sido sepultada e cujo corpo há muito desapareceu.



Unless otherwise stated, the content of this page is licensed under Creative Commons Attribution-ShareAlike 3.0 License